Publicações de alunos

Publicações recentes de orientandos e ex-alunos

Gustavo Barros. “Resenha do livro “Origens e evolução da indústria de máquinas e equipamentos em São Paulo: 1870-1960 de Michel Deliberali Marson“. Estudos Econômicos. Vol. 49, 2019, p. 415-418.

Thales A. Zamberlan Pereira. “The North-South divide: real wages and welfare in Brazil during the early 20th century“. Revista de Historia Económica – Journal of Iberian and Latin American Economic History. Vol. X, 2019, p-30.

Bruno Witzel de Souza. “Immigration and the path dependence of education: the case of German-speakers in São Paulo, Brazil (1840-1920)“. Economic History Review. Vol. 71, Issue 2, 2018, pp. 506-539.

Thales A. Zamberlan Pereira. “The rise of cotton trade in Brazil during the Industrial Revolution.” Journal of Latin American Studies. Vol. 50, Issue 4, 2018, pp. 919-949.

Thales A. Zamberlan Pereira. “Poor man’s crop? Slavery in cotton regions in Brazil, 1800-1850”. Estudos Econômicos. Vol. 48, 2018, p. 623-655.

Pedro Paulo Funari. “Inequality, institutions, and long-term development: a perspective from Brazilian regions“. In Luis Bértola and Jeffrey Williamson (eds). Has Latin American inequality changed direction?. Amsterdan: Springer, 2017.

Felipe Pereira Loureiro. Empresários, trabalhadores e grupos de interesse: a política econômica nos governos Jânio Quadros e João Goulart (1961-1964). São Paulo: Editora UNESP, 2017.

Michel Deliberalli Marson. Origens e evolução da indústria de máquinas e equipamentos em São Paulo, 1870-1960. São Paulo: Annablume/Fapesp, 2017.

Thomas Kang. “Educação para as elites, financiamento e ensino primário no Brasil, 1930-1964”. Latin American Research Review. Vol. 52, 2017, p. 35-49.

Felipe Pereira Loureiro. “The Alliance for Progress and president João Goulart’s Three-Year Plan: the deterioration of U.S.-Brazilian Relations in Cold War Brazil (1962)”. Cold War History. Vol. 17, 2017, p. 1-19.

Felipe Pereira Loureiro. “João Goulart e a cúpula do movimento sindical brasileiro: o caso das Confederações Nacionais de trabalhadores (1961-1964)”. História. Vol. 36, 2017, p. 1-23.

Felipe Pereira Loureiro. “Strikes in Brazil during the government of João Goulart (1961-1964)”. Canadian Journal of Latin American and Caribbean Studies. Vol. 41, 2016, p. 76-94.

Felipe Pereira Loureiro. “A aprovação da lei de limitação de remessa de lucros no governo Goulart e o empresariado nacional e estrangeiro (1961-1964)”. Revista Brasileira de História. Vol. 36, 2016, p. 155-177.

Michel Deliberalli Marson. “A industrialização brasileira antes de 1930: uma contribuição sobre a evolução da indústria de máquinas e equipamentos no estado de São Paulo, 1900-1920.” Estudos Econômicos. Vol. 45, 2015, p. 753-785.

Michel Deliberalli Marson. “A evolução da indústria de máquinas e equipamentos no Brasil: Dedini e Romi, entre 1920 e 1960”. Nova Economia. Vol. 24, 2014, p. 685-710.

Felipe Pereira Loureiro. “The Alliance For or Against Progress? US-Brazilian financial relations in the early 1960s”. Journal of Latin American Studies. Vol. 46, 2014, p. 323-351.

Bruno Witzel de Souza. “Imigração alemã e mercado de trabalho na cafeicultura paulista: um estudo quantitativo dos contratos de parceria“. História Econômica & História de Empresas. Vol. 15, 2012, p. 81-110.

Michel Deliberalli Marson. “Origens dos empresários da indústria de máquinas e equipamentos em São Paulo, 1870-1900”. Nova Economia. Vol. 22, 2012, p. 481-511.

Thomas Kang. “Descentralização e financiamento da educação brasileira, 1930-1964: uma análise comparativa”. Estudos Econômicos. Vol. 41, 2011, p. 573-598.